Super Mario 128

 
Mario tem sido um ícone dos games ao longo de décadas e está em inumeros jogos. Embora eu não lembre de ter visto nenhum jogo dele sendo lançado (me refiro aos clássicos), os fãs da série vão se lembrar da pausa quase uma década desde os jogos de plataforma do Mario.

De 1997-2005, havia apenas um novo lançamento do Mario: Super Mario Sunshine. Durante a segunda parte desta pausa (após o lançamento do Sunshine), o misterioso Super Mario 128 era o foco principal dos fãs.

Nenhuma informação concreta foi dada sobre o jogo e, eventualmente, o criador da série Shigeru Miyamoto afirmou ter sido simplesmente uma série para testes, que nunca foram destinados a ser um jogo real.

 O mistério desapareceu da memória quando a parada da serie de jogos do Mario finalmente terminou e a maioria das pessoas se esqueceram do jogo que tinha sido o centro do imaginário de todos os fãs.

A pausa da serie Mario foi uma época ruim para Nintendo em termos de vendas de console. O Nintendo 64 e GameCube não teve o mesmo sucesso financeiro do antigo Nintendinho e do Super Nintendo, e mais tarde o wii.

Para uma empresa muito orgulhosa, que confiava apenas em jogos de vídeogame para fazer dinheiro, isso foi muito preocupante para os funcionários do mais alto escalão que foram anexados à empresa e sentiu seu sucesso ou fracasso refletir pessoalmente sobre eles.

 A Nintendo começou a trabalhar numa continuação do Super Mario 64 logo depois do jogo ter sido lançado, mas durante os anos 90 tornou-se claro que a Nintendo não estava vencendo a guerra de consoles. O Super Mario 64 foi uma continuação feita a partir do zero, já que a empresa acreditava que não era uma melhoria significativa o suficiente em relação ao original a ponto de virar a maré da batalha de mercado.

Vendo os jogos em geral, mais realistas e violentos no Playstation da Sony, líder de mercado na época, a Nintendo pensou em fazer um Mario que estava mais proximo disso para o que o público se interessasse. Houve um pouco de conflito interno sobre até onde ir com esse novo mario, estava claro que ele não estaria pronto até próximo console da Nintendo, o GameCube.

A única dica que foi revelada ao público foi um comentário de Miyamoto em que ele achava que Mario e Luigi deveriam agir "mais como adultos" em seus jogos para o GameCube (então prestes a ser lançado).

O novo projeto do Mario foi finalmente dividido em dois jogos: Luigi's Mansion, muitos acharam que o jogo reflete o tom mais obscuro da série (embora ainda fosse suave comparado ao que alguns executivos e desenvolvedores da Nintendo queriam), e Super Mario Sunshine, que foi na direção completamente oposta.

Ambos foram lançados dentro de um ano para GameCube e a Nintendo se sentiu confiante de que seu novo sistema e jogos do Mario iriam devolver à sua antiga glória como líder de mercado.

Os que estão familiarizados com a história do console sabe, isso não aconteceu. O GameCube foi ainda pior no  mercado do que o Ninendo 64 e o gosto do mercado em massa se voltou ainda mais para jogos violentos e realistas.

Durante este período, o clima sombrio da Nintendo foi intensificada e o projeto "dark" Mario foi revivido, esse projeto foi chamado "Super Mario 128". Não ficou claro o que aconteceu na Nintendo durante este período. Como sabemos, nada chamado Super Mario 128 foi mostrado ou lançado publicamente.

A fonte que revelou o conflito interno da Nintendo durante a era N64, depois se recusou a discutir o que estava acontecendo durante o tempo em que o GameCube fracassou, mas lançou um protótipo de Super Mario 128 on-line que pode ser jogado no canal homebrew Wii.

O texto a seguir é uma lembrança dos meus tempos de jogatina.

 O jogo era claramente uma versão beta, a tela de título não tinha nada a não ser um texto branco dizendo "Super Mario 128" com um fundo preto. Não havia menu de opções ou salvar. Após a tela de título, o jogo começou. A risada de Bowser do Super Mario 64 em loop no fundo, enquanto uma caixa de texto simples exibia este diálogo:

Mario,
Raptei a Princesa Peach e ela não viverá para ver o sol nascer amanhã a menos que você assuma o lugar dela. Você sabe o que fazer e onde ir. Não tente me parar, a menos que você queira apressar sua morte.
O jogo certamente estava indo para um lado mais sinistro. Depois que eu fiz a caixa de texto desaparecer, eu fui empurrado para a direita no jogo. A primeira coisa que notei foi o modelo do Mario. Seu corpo foi tão detalhado como em Super Mario Galaxy (embora um pouco mais realista proporcionalmente falando), mas sua cabeça foi pego do modelo do Super Mário 64. Obviamente, o projeto não tinha sido concluído.

O cenário era um céu. Havia algumas plataformas flutuantes simples no ar. O restante da área era apenas céu azul com várias nuvens de rolagem em segundo plano. As nuvens pareciam mais realistas do que as habituais dos jogos do Mario. Eles ficaram bastante impressionante graficamente falando.

Não havia música ou amostras de voz completas do Mario, mas tinha um efeito de som / grunhidos quando ele pulava. O salto estava mais moderado do que em outros jogos do Mario. Mario não saltava tão alto como sempre fazia e tinha pouco controle sobre seus movimentos no ar. Os diferentes tipos de saltos que o Mario 3D tinha não estavam presentes.

Não havia nada de especialmente notável sobre a jogabilidade - os inimigos não tinham sido adicionados ainda. Eu só saltei de plataforma para plataforma, não foi muito desafiador.

Quando eu atravessei a fase, eu notei que os gráficos foram mudando gradualmente. O céu tornou-se cada vez mais nublado até que foi inteiramente composto de nuvens, e do fundo da nuvem voltou-se gradualmente para um cinza escuro.

Depois disso, começou a chover. Cheguei a uma pequena plataforma com um sapo em cima. Parecia que com o modelo do Super Mario Galaxy. Quando cheguei em sua plataforma, o diálogo apareceu.

Nós não queremos mais nada, Mario. Você não pertence a esse lugar. Basta dar Bowser o que ele quer. A sua vida.

Após a caixa de texto desaparecer, eu não tinha mais controle sobre o Mario. O Mario só ficou lá por um tempo, então se virou e caminhou para fora da plataforma. Seu corpo parecia mole quando ele caiu.

Eventualmente, foi revelada uma cidade, realista e moderna, sob o céu. Os prédios pareciam abandonados, mas havia pessoas na rua.

Mario bateu no chão com um baque realista, mas ele não explodiu e nem mostrou feridas visíveis. Ele simplesmente estava lá. As pessoas na cidade continuou andando, ignorando Mario, embora eu pensei ter visto olhares frios para ele, como se tivessem irritados.

Isso continuou por alguns minutos e, eventualmente, as pessoas pararam de aparecer. Mario se levantou - Eu estava de volta no controle - mas ele não podia saltar em tudo e tinha uma velocidade de caminhada reduzida.

Os grandes edifícios da cidade não parecia ser interativo, então eu continuei andando na rua por um tempo. Finalmente, eu encontrei uma pequena casa que parecia fora do contexto entre os edifícios maiores.

Quando me aproximei da porta, Mario abriu. A tela ficou branca e um texto preto apareceu.

Casa das Memórias despedaçadas

Este parecia ser o título do nível. Quando eu apertei o botão, a tela voltou para Mario. Ele estava dentro da casa de antes. Tudo parecia maior do que deveria. Não era gigantesca, mas dava a impressão que o Mario era uma criança muito pequena.

No porão, eu encontrei um sofá em ruínas e uma televisão quebrada. No entanto, o que realmente chamou minha atenção foi o que estava no sofá: dois esqueletos que pareciam ser crianças, a julgar pelo seu tamanho. Devido à escala da casa, eles ainda eram maiores do que Mario.

Eu estava começando a ficar realmente perturbado. Como um jogo de Mario poderia conter esse tipo de coisa?

Fui até os esqueletos e tentei apertar botões para interagir com eles ou com a TV, mas nada parecia acontecer. Eu estava prestes a virar-se e procurar outro lugar quando eu quase morri de susto de um ruído ensurdecedor vindo do jogo.

O que parecia ser Bowser parecia ter rompido o piso de baixo e caiu na frente de Mario. Digo "parecia ser", porque isso não era nada convencional vindo do Bowser.

O monstro reptiliano no jogo tinha padrão de Bowser cor básica marrom-amarelo e verde, mas parecia muito mais ameaçador do que qualquer modelo de Bowser que eu tinha visto.

Não era proporcional como o Bowser que eu conhecia. Seus braços e pernas eram muito maiores em relação ao seu corpo e terminava em garras afiadas. A casca verde não tinha pontas coladas,elas eram mais irregulares e orgânicas com uma cor verde escura no mesmo tom do resto da casca.

O rosto tinha pequenos, mas intensos olhos negros e uma boca cheia de dentes afiados, que ocupavam muito mais do rosto do que deveria. Mario estava encolhido com medo dessa coisa. Uma caixa de diálogo apareceu.

Você me deixou esperando por muito tempo, Mario. Eu vou provar carne humana em breve. Vai finalmente se render, ou a Peach vai ter que morrer?
Eu ainda não tinha o controle. Mario ficou ali, tremendo por alguns segundos balançando a cabeça. Bowser empalou o Mario com suas garras. Não tinha sangue, mas ficou claro com os efeitos de animação e o som que as garras afiadas das mãos do Bowser tinha atravessado o corpo do Mario.

Num movimento rápido, Bowser arrastou o Mário até seu rosto e mordeu a cabeça dele. Novamente, não houve detalhes de sangue ou gráficos deixados para trás no pescoço do Mario - apenas um modelo do Mario sendo destruído.

A tela em preto desapareceu. No texto em branco, o nome de outra fase apareceu.

O lar eterno do Mário

O Mario estava inteiro novamente quando a fase começou. Foi a única coisa na tela, além do fundo preto. Ele estava flutuando, como se estivesse no espaço. Eu poderia controlá-lo um pouco, mas me senti mais como se eu estivesse apenas decidindo a direção geral em que Mario cairia.

enquanto eu não ia para nenhum destino aparente, vozes apareceram e foram ecoando, vozes profundas dizendo ao Mario que ele não valia nada... que o mundo não tinha mais nenhuma serventia para ele e seria melhor para todo mundo se ele estava morto.

 Eu ouvia um choro alto e agudo parecia ser os gritos do Mario. Isso realmente me incomodou e eu encontrei-me lutando contra as lágrimas. Por razões que eu não podia entender, isso foi me afetando emocionalmente.

As vozes e perambular sem rumo continuou por vários minutos até que vi uma mancha cinza clara distante. Eu caminhei em direção a ela. Demorou muito tempo para chegar, e ficou mais próximo a um ritmo muito mais lento do que deveria.

Quando eu cheguei perto o suficiente para sair, eu vi que era uma lápide. Era uma lápide muito simples, com rachaduras em vários lugares. Quando cheguei ao lado dela, eu podia ver escrito sobre ele.

Eu desliguei o console logo após lê-lo. Eu não vou jogar o beta ou hack ou o que quer seja isso mais uma vez. Havia uma única palavra escrita na lápide.

inocência.


Traduzido e adaptado por Victor Ramide.
Fonte: in us creepy stuff blog
Share on Google Plus

About Neto Sanches

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

6 Comentários:

  1. AEE! Sinistro ta de volta com tudo?? Saudade dos posts!

    ResponderExcluir
  2. ta o N64 foi bem nas vendas sim a nintendo quebrou foi com o game cube mas de resto é assustador

    ResponderExcluir
  3. e tinha jogos violentos tambem no n64 e o grafico do play 1 e n64 era como xbox 360 e play3 só muda o brilho xd

    ResponderExcluir
  4. isso é verídico?
    se for alguém sabe aonde posso ver mais sobre ou achar para jogar?

    ResponderExcluir
  5. o burro que escreveu isso nunca ouviu falar em killer instinct,e nunca ouviu falar o grande sucesso de ocarina of time e majoras mask,mario kart 64,super smash brothers,ou seja e so um retardado criador de creepypasta metido a gamer -_-

    ResponderExcluir