Canibais pelo mundo

"Se o homem é o que come, os canibais seriam os verdadeiros humanos?"
Eae galera, Trago hoje para vocês uma postagem feita pelo parceiro Çensodyne, de onde veio essa tem mais /fikdik. E a frase é só brincadeira tá!


Nicolas Cocaign - canibal francês


Nicolas Cocaign, conhecido como o "canibal de Rouen", matou um companheiro de cela e comeu parte de seus pulmões em 2007. Em seu julgamento, ele afirmou que um impulso sexual o levou a matar seu companheiro e a "curiosidade" sobre o gosto da carne humana a praticar o canibalismo. Ele foi condenado a 30 anos de prisão em junho 2010.


Anthony Morley - canibal britânico


O cozinheiro britânico Anthony Morley matou o seu amante após os dois terem relações sexuais em abril de 2008. Morley cortou o corpo de Damian Oldfield em seis peças e as cozinhou com ervas e azeite de oliva. Contudo, ele disse que jogou fora a carne porque ela não estava ao seu gosto. Morley, que venceu o concurso Mr. Gay Reino Unido em 1993, foi condenado à prisão perpétua no mesmo ano.

Robert Ackermann - canibal de Viena


O alemão Rober Ackermann, “o canibal de Viena”, foi preso em agosto de 2007 acusado de assassinar seu companheiro de quarto de 49 anos e comer parte de seus órgãos. Ele foi encontrado pela polícia austríaca com sangue na boca e ao lado do corpo nu da vítima. Ackermann cometeu o crime após uma discussão sobre um vídeo pornô e um isqueiro desaparecidos. Na época, Ackermann tinha apenas 19 anos.

Stephen Griffiths - o canibal da besta (Reino Unido)


Stephen Griffiths foi preso em maio de 2010 acusado de matar três prostitutas na cidade de Bradford, no norte da Inglaterra. Ele ficou conhecido com o “canibal da besta”, por utilizar a arma (uma espécie de arco-e-flecha) em seus crimes. Em sua primeira aparição no tribunal, ele se apresentou ante ao juiz com o codinome que recebeu da imprensa.

José Luis Calva Zepeda - canibal do México


O escritor de histórias de terror mexicano José Luis Calva Zepeda foi preso em outubro 2007 acusado de matar e comer os restos mortais de Alejandra Galeana Garavito. A polícia encontrou o corpo da mulher cozinhando em uma panela no apartamento de Zepeda. O escritor admitiu o assassinato, mas negou o canibalismo, dizendo que deu os restos da amante para o seu cachorro. Ele se enforcou na prisão dois meses após ser preso.

Paul Durant - canibal britânico


O britânico Paul Durant confessou ter matado, esquartejado e comido pedaços do corpo de sua namorada, Karen Durell, em janeiro de 2004 no balneário espanhol de Calpe. Ele foi preso um mês após o crime. De sua cela, ele escreveu cartas dizendo que vozes que emanavam de sua televisão o mandaram cometer o crime. Em novembro de 2007, ele foi condenado a 12 anos de prisão.

Mohinder Singh e Surender Koli – canibais indianos


O empresário indiano Mohinder Singh e seu empregado Surender Koli foram presos em dezembro de 2006 acusados de assassinar, violentar e tentar comer 19 crianças após a polícia encontrar ossos e restos humanos embalados em sacos de plástico na casa de Singh, na cidade de Noida. Os dois foram condenados à morte em fevereiro de 2009 no julgamento de uma das vítimas, mas Singh foi mais tarde inocentado. Contudo, eles ainda aguardam julgamento de outros casos.

Armin Meiwes - canibal de Rotemburgo


O alemão Armin Meiwes, conhecido como o “canibal de Rotemburgo” foi condenado à prisão perpétua em 2006 por assassinar, esquartejar e comer um homem que conheceu na internet em março de 2001. O crime ocorreu após a vítima, Bernd Brandes, responder a um chamado de Meiwes, que procurava alguém para se deixar matar e ser devorado por ele.

Kevin Ray Underwood – canibal americano


O americano Kevin Ray Underwood foi preso em 2006 acusado de matar, abusar do corpo e planejar comer os restos mortais de uma menina de 10 anos na cidade de Purcell, no Estado do Oklahoma. Após confessar o crime, ele foi condenado à pena de morte em março de 2009.

Andrei Chikatilo – Rússia


O ucraniano Andrei Chikatilo ficou conhecido como o “Açougueiro de Rostov”, na Rússia, pelos assassinatos de mais de 50 mulheres, crianças e adolescentes desde 1978 e até o início dos anos 90. Em 1992, ele foi condenado de matar, molestar, mutilar e comer os restos de algumas de suas vítimas. Chikatilo foi executado em fevereiro de 1994.

Sinistro não?
Fonte: Çensodyne
Share on Google Plus

About Neto Sanches

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

10 Comentários:

  1. o canibal do méxico parece o morre diabo D:

    ResponderExcluir
  2. Cara como um ser humano pode chegar a tal nivel....
    Sinistro.

    ResponderExcluir
  3. so esqueceram o caso daqueles goticos loucos que comeram o que parecia ser fan deles nao lembro muito bem eles afogaram ela e cozinharam ela no forno e depois comeram deploravel.
    E claro mais um belo post valeu mesmo

    ResponderExcluir
  4. olha nao é brincadeira não! mas hoje em dia nada me surpreende mas... cada coisa pior q a outra ...

    ResponderExcluir
  5. cadê o otis toole?

    ResponderExcluir
  6. cadê o jeffrey dahmer? o mais famoso de todos?
    taty

    ResponderExcluir
  7. semalhaça. carne os animais são boa e do humano é ruim. depoimento de indio canibal morreu 1991.

    ResponderExcluir
  8. fazem isso com os animais pq nao com humanos, afinal carne é carne, tudo igual

    ResponderExcluir
  9. "
    fazem isso com os animais pq nao com humanos, afinal carne é carne, tudo igual"

    Concordo!

    ResponderExcluir
  10. Acho que a carne humana e muito suja comparada a dos animais, deve ter um gosto horrível, quem faz isso deve ter problemas mentais.

    ResponderExcluir