Monstro dos Andes

Pedro Alonso López, mais conhecido como “Monstro dos Andes”  nasceu na Colômbia, mas também teve suas vítimas no Peru e Equador. Sua mãe era uma prostituta, que o expulsou de casa quando tinha 9 anos, por ter acariciado sua irmãzinha mais nova. Ele foi pego por um pedófilo que o sodomizou á força.
Na prisão, aos 18 anos ele foi espancado por uma gangue, depois se vingou matando 4 deles. Quando foi solto alguns anos depois, começou a matar meninas. Em 1978 ele já havia assassinado mais de 100 garotas, no Peru. Depois de quase ser linchado por furiosos moradores de uma pequena aldeia, ele se mudou para a Colômbia e depois Equador, onde ele cometia cerca de 3 assassinatos por semana, todos de jovens garotas.
monstro-dos-andes
Ele gostava de matar meninas equatorianas, segundo ele elas eram mais inocentes, por isso era mais fácil enganá-las. A polícia não se preocupou em investigar as desaparições, pois nessa área era comum as atividades de escravidão e prostituição.
Em 1980 uma inundação revelou a primeira vítima do Monstro dos Andes. Quando foi preso, ele contou aos policiais as assustadoras histórias de seus assassinatos. No princípio as autoridades não acreditaram, mas as dúvidas desapareceram quando ele mostrou o local onde estava enterrados mais de 50 corpos.
Como não foram encontrados todos os corpos não temos um número exato de vítimas, mas acredita-se que 300 assassinatos é uma baixa estimativa para Pedro Alonso López mais conhecido como Monstro dos Andes, o maior serial killer já conhecido até hoje!
Fonte
Share on Google Plus

About Victor Ramide

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

2 Comentários:

  1. Ele é foda. Essa postagem fui eu que fiz no blog que eu sou colunista (peroxas).

    colocou a fonte, entao ta td certim... ;)

    ResponderExcluir