O assassinato de Tancredo Neves

Olá Sinistros e Sinistras, o botão continue lendo foi consertado pelo Gabriel (no improviso) e hoje eu trago pra vocês uma história polemica, eu diria até que é uma verdadeira teoria da conspiração! 

Só espero que ninguém me sequestre e me torture como na época da ditadura...

"Tancredo foi assassinado quando perceberam que a vitória era inevitável!" 


NESTA FOTO ELE JÁ ESTAVA MORTO OBSERVEM BEM, FOI TUDO UMA ARMAÇÃO E UMA GRANDE CONSPIRAÇÃO CONTRA O POVO BRASILEIRO.

Após 38 dias de agonia, e sete cirurgias, o primeiro presidente civil eleito desde o Golpe Militar, morre. Assume o vice da chapa, José Sarney, do PFL, partido fundado por dissidentes do PDS. Com ele, o poder permanecia nas mãos dos que apoiavam o regime militar. Muitos acreditam que sua morte tenha sido um plano arquitetado pelos líderes do regime autoritário, quando perceberam que sua vitória era inevitável.

Sabe-se que o hospital da Base de Brasília não possuía todas as condições para a cirurgia que ele deveria sofrer. No entanto, os médicos vetaram a transferência para o Instituto do Coração, em São Paulo, alegando que a cirurgia deveria começar, em, no máximo, uma hora. Somente três horas depois, os médicos começaram a operação, com 40 pessoas dentro do centro cirúrgico. 

Outro fato estranho: ao mesmo tempo em que Tancredo era internado com fortes dores abdominais, o seu mordomo, João Rosa, começou a sofrer dores similares. João, funcionário do Planalto, acompanhava Tancredo em sua residência provisória, na Granja do Riacho Fundo. Ficou 16 dias no hospital e, como Tancredo, sofreu sete cirurgias antes de morrer. A doença foi diagnosticada como diverticulite - primeiro diagnóstico do presidente. 


João e Tancredo sentiram os mesmo sintomas num intervalo curto de tempo. Como conviviam no mesmo local, pode-se suspeitar que ambos tenham sido envenenados: o presidente eleito era o alvo principal; o mordomo tivera o azar de estar no local errado, na hora errada.

Outra pista de que a morte de Tancredo não foi fatalidade, mas um plano minuciosamente arquitetado: em 1996, durante uma entrevista ao programa "Roda Viva", da TV Cultura de São Paulo, o general Newton Cruz admitiu que, em outubro de 84, quando era comandante militar do Planalto, foi procurado pelo então candidato Paulo Maluf, que teria proposto um golpe militar, caso Tancredo fosse eleito, justificando que o adversário estava muito doente. 



Como Maluf poderia saber da doença de Tancredo com seis meses de antecedência? 


No mês da morte de Trancredo A rede globo mostrou uma reportagem especial sobre a morte de trancredo.

Conversando com um professor de história ouvi a história de que Trancredo Neves foi assassinado,então eles inventaram o conto da diverticulite,que agora vem sendo questionado e a rede globo tenta manter as aparências de seu passado militar. 

O que sei é que no dia de sua posse,na missa celebrativa(catedral de Brasília),acabou a luz e ouviu-se um tiro(ou algo parecido),...dias depois foi divulgado que Trancredo teve uma crise e estava no hospital(UTI),no caso ele já estaria morto,mas os militares que por sinal apoiavam Sarney,encobriram a noticia e deixaram para divulgar sua morte no dia 22/04,coincidência com Tiradentes?,não fizeram isso pensando na comoção nacional... 

Diz-se ainda que a repórter Gloria Maria ,presenciou a cena,e teve que ir fazer umas ?reportagens? por alguns anos na Finlândia... 


MORTES MISTERIOSAS “QUEIMA DE ARQUIVO”

A doença súbita de Tancredo foi óbvia. Assim como a morte montada para o assassinato de PC Farias. Assim como o óbito inexplicável da esposa de PC Farias, logo depois dela ameaçar dizer o que sabia. Bem como, a mais misteriosa de todas as mortes: Pedro Collor e leda Collor. Porém esses fatos estão guardados nos mais profundos porões da imoralidade. Nenhum promotor, ministro do STF vai querer revolver esse armário de ossos. É mais simples aceitar as mentiras. É tipico da tradição histórica do brasileiro viver e crer num país surrealista. Dá menos trabalho. 

ahh..já ia me esquecendo...atribuem o sumiço da ex-esposa de Pedro Collor a um tal de casamento com um sheik árabe. Será??? Será que mesmo estando morando fora ela não sente saudades da família que ficou aquí? Ela simplismente desapareceu da mídia! 

Outra morte misteriosa foi a do Ministro Sérgio Motta. Ele foi o responsável pela privatização do sistema Telebrás (na época um dos maiores cabides de emprego do governo).

“Gravações obtidas pelo jornal, Folha de São Paulo, envolveram o ministro no escândalo de compra de votos para a aprovação da emenda de reeleição de FHC.

Nas gravações, o deputado João Maia (PFL). dizia que recebeu R$ 200 mil para votar a favor da emenda que permitiu a reeleição de FHC. O deputado revela ainda que a barganha pelo voto previa receber R$ 200 mil do governo federal e outros R$ 200 mil do governo do Estado do Acre. O dinheiro usado na operação, segundo Maia, foi providenciado pelo governador do Amazonas, Amazonino Mendes (PFL), e pelo ministro Sérgio Motta. (...)

Caso Tancredo Neves

Tancredo nao tomara posse, entao o legitimo sucessor, era o Pres.da Camara, Ulysses Guimaraes. Mas, infelizmente, por pressoes de militares, de parte do PMDB(o Ministerio de Tancredo ja havia sido montado) e do PFL, Sarney assumiu. 

Caso Ulysses Guimaraes/Impeachment de Collor.

Como sabemos, a campanha de Collor e Itamar(seu Vice, eleitos na mesma chapa), foi feita e financiada por um grande esquema de corrupçao, PC Farias. Mesmo que Itamar nao soubesse desse esquema, ele foi beneficiado, como integrante da chapa eleita. Tanto que o mais correto juridicamente, era cassar Collor e seu Vice, Itamar. Nesse caso, assumiria o Pres.da Camara, interinamente por 30 dias, e convocaria uma eleiçao indireta, pra eleger um Presidente para completar o mandato. Ou entao, o TSE empossaria o segundo colocado na eleiçao de 1989 (Lula). No caso, a eleiçao indireta era a mais logica. E caso ela ocorresse, sem sombras de duvidas, que Ulysses seria eleito o novo Pres.da Republica, com o apoio unanime do Congresso Nacional.



Nesse caso, a morte de Ulysses, interessava principalmente a Itamar(assumiria a Presidencia), ao PT(interessados numa hipotese da posse de Lula), ao PSDB(Itamar ha havia prometido Ministerios e apoio à Presidência,em 1994),PDT(Brizola,era o candidato de Collor a Presidencia) è a Collor e aliados(PFL e PTB, desejosos de vingança).

Vale lembrar, que se Ulysses tivesse ganho a Presidencia, Quercia seria eleito Presidente em 1994,com apoio dele.E o PMDB ficaria anos na Presidencia...

vou informar a vocês o que me enviaram, Ulysses Guimarães teria descido do helicóptero com os outros passageiros em um sítio na região onde foram vistos por um morador que comentou isto em um debate, eles teriam desistido da viagem devido ao tempo que não era favorável?  Ulysses e os outros que estavam com ele no helicóptero entraram em dois veículos de cor preta com placas oficiais e foram assassinados em outro local? o destroços do helicóptero e os corpos desapareceram!!


Fonte: http://rodrigoenok.blogspot.com/
Share on Google Plus

About Neto Sanches

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

7 Comentários:

  1. Bom... de acordo com minha professora de comunicação e expressão, ele não estava morto nesta foto; ele estava muito doente e para fazer as aparências, posou para a foto para não mostrar seu crítico estado de saúde, mas atras do sofá tinha uma enfermeira segurando seu frasco de soro. Cerca de um mês depois ele faleceu.

    Mayara Viana

    ResponderExcluir
  2. parece bem morto na foto. não tem pose nenhuma, só um corpo num sofá! a mão direita retorcida e nitidamente o médico segurando firme com as duas mãos para não cair!

    ResponderExcluir
  3. ... as sombras do flash denotam uma distância bem curta do sofá até a parede, tornando lúdica a possibilidade de uma 'enfermeira' segurando soro atrás deste pequeno sofá. E soro, qualquer profissional de saúde sabe que se aplica usando a gravidade, por cima, com mangueira e gotejamento.

    ResponderExcluir
  4. Me disseram certa vez que envenenaram propositalmente o lendário Tancredo Neves,poque ele sabia de muita coisa.Teriam até colocado pó de vidro na comida dele.
    Vai saber.

    Infelizmente em nosso país muita coisa suja vai pra debaixo do tapete.

    ResponderExcluir
  5. Quanto ao Ulysses Guimarães, creio que ele deva ter pousado em um lugar, entrado em carros oficiais convocados secretamente por ele próprio e sumido para fugir a tantas ameaças, sua morte era iminente, a melhor forma de sair da ameaça de assassinato é morrendo, então forjou a própria morte e deve estar vivo por aí torrando sua grana, e se estiver morto, morreu bem velhinho, a pouco tempo, não acredito em mortos até que me mostrem o corpo.

    ResponderExcluir
  6. Transforma ele em Santo, então.Ditadura foi essencial para os milicos fazerem a festa, não necessariamente para os politicos corruptos, pois a mamata deles tinha antes, durante e depois.

    ResponderExcluir