Painstation




Da tradução estação da dor. Está de volta em um estilo no mínimo bizarro o jogo consagrado na década de 70, trazido para o Brasil com o nome "Telejogo" antes ainda que o Atari. A máquina PainStation é uma invenção alemã meio antiga mas está ganhando popularidade por ser bastante controversa e, porque não dizer, grotesca. A idéia é transformar o inocente game "Pong", cujo objetivo era rebater bolinhas como num jogo de tênis de mesa até fazer os pontos, em algo maior e mais perigoso.

PainStation tem três punições para quem deixar o adversário marcar ponto, que vão se intensificando e ficando ainda mais sádicas. A idéia é punir a mão esquerda do jogador perdedor com choques elétricos, ondas fortes de calor e uma espécie de chibatada. O site, não contente em mostrar o design do arcade e fotos da construção da máquina, mostra também o resultado de algumas partidas.

Algo semelhante já havia sido criado com jogos de luta no fim da década de 90 em que os jogadores derrotados recebiam ondas de choque conforme seus lutadores estavam próximos da derrota.

Site: http://www.painstation.de

Videos de partidas



Pule para os 4:00 minutos ;)





Esse aqui o video ta chiando muito então aconselho desligar a caixa de som ;)



compacto para quem ver doloroso pra quem usa!!


Resultados da brincadeira!!


e voces teriam coragem de jogar?
Share on Google Plus

About Neto Sanches

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

5 Comentários:

  1. Vou mandar um desses pra minha sogra jogar com meu sogro.

    ResponderExcluir
  2. tem que ser muito idiota (por que nao diser EMO?0 pra joga isso, cada ideia tonta que pelamordedels!

    ResponderExcluir
  3. Brother, eu me amarro em vídeo-game. Só que eu me amarro exatamente pelo fato de ser fingimento. Eu pego uma arma, mato milhares de pessoas e quando fico entedeado, só desligo e chamo minha mulher. Isso aí é maluquice, coisa de demente.

    ResponderExcluir